Guia de Iluminação: o que você precisa saber para criar um décor incrível

Guia de Iluminação: o que você precisa saber para criar um décor incrível - mulher decorando studio

Nos últimos meses, estamos passando muito mais tempo em nossas casas. E, uma vez dentro do lar, muitas pessoas começaram a buscar soluções para deixar os seus espaços mais estilosos, aconchegantes e, principalmente, prontos para transmitir uma ampla sensação de bem-estar. Aliás, para quem não sabe, as luzes utilizadas nos cômodos são extremamente poderosas e podem influenciar significativamente essa tarefa. Por isso, lindeza, hoje vamos te apresentar o nosso Guia da Iluminação!

Feito especialmente para quem é iniciante no assunto, o material apresentará as principais dicas para criar uma atmosfera intimista, estimulante e, até mesmo, própria para aqueles momentinhos em que precisamos descansar. Aqui, será possível conferir os tipos de lâmpadas mais consumidos pelos brasileiros e, até mesmo, a iluminação ideal para cada cômodo.

E aí, preparada? Para sair de vez “do escuro”, acompanhe este post exclusivo e faça com que a sua casa ou apê fiquem “de cara nova”. Só vem!

Guia de Iluminação: saiba qual é o momento ideal para pensar no assunto

Dando start em nosso Guia de Iluminação, vamos falar sobre o momento ideal para começar a pensar no projeto luminotécnico. Normalmente, as pessoas deixam para considerar essas questões no fim de uma reforma ou construção — mas saiba, desde já, que essa atitude está completamente equivocada.

O ideal é que a iluminação esteja sempre no topo da lista de prioridades, ou seja, desde o início de um planejamento. Assim, será possível ter mais facilidade ao longo da execução e, até mesmo, se livrar de despesas desnecessárias.

Para tanto, você precisa ter algumas informações em mãos. Entre elas, destacamos as seguintes:

  • as dimensões de todos os cômodos;

  • o layout da casa ou apê finalizado;

  • as necessidades dos moradores;

  • que atividades serão realizadas em cada ambiente.

guiadeiluminacao1 - Guia de Iluminação: o que você precisa saber para criar um décor incrível

Iluminação de sala

Conheça os tipos de luz

Com todas as informações necessárias em mente, você já poderá partir para a escolha do tipo de luz que os cômodos receberão. Esse cuidado é imprescindível, principalmente, para fazer com que os espaços tenham mais beleza e, claro, funcionalidade. Aqui, destacamos que existem três categorias que podem ser eleitas. Espia só os detalhes de cada uma delas!

Luz difusa

É uma das opções mais utilizadas nos lares brasileiros. Nesse caso, o objetivo é promover uma iluminação suave e uniforme, sem muitas sombras. Já para alcançar um efeito bacana, é necessário ficar de olho nos tipos de luminárias mais indicados para a proposta.

Entre eles, estão os plafons e as charmosas arandelas. De todo modo, você ainda pode criar efeitos incríveis utilizando as clássicas lâmpadas de vidro com acabamento leitoso.

Luz direta

Em seguida, vem a luz direta. O seu foco é dar destaque a um ponto especial do cômodo, seja uma obra de arte, um móvel ou, simplesmente, um canto próprio para momentos de leitura. Os acessórios mais recomendados para esse conceito são as luminárias de mesa, os spots e também as lâmpadas de LED.

Luz indireta

Ideal para criar uma atmosfera confortável e intimista, esse modelo de iluminação está bastante presente em forros de gesso. Ao incluí-la em um cômodo, será possível promover uma luz mais delicada e equilibrada, mais agradável e relaxante.

guiadeiluminacao2 - Guia de Iluminação: o que você precisa saber para criar um décor incrível

Luz indireta

Guia de iluminação: explore as opções de lâmpadas do mercado

Não se engane: no mercado, existem mais tipos de lâmpadas disponíveis do que você pode imaginar. Obviamente, tantas opções podem acabar te deixando em dúvida na hora de acertar na compra. Mas, é claro que te daremos uma mãozinha nessa empreitada!

  • Incandescentes: são as lâmpadas mais comuns nas residências brasileiras. Entretanto, já estão caindo em desuso, especialmente, porque consomem muita energia elétrica e produzem bastante calor;

  • Fluorescentes: opções bem eficientes e mais econômicas do que as incandescentes. A sua luz é intensa e, por isso, são bastante comuns em espaços como a cozinha e a área externa;

  • LED: é a versão mais econômica da atualidade. Consegue emitir uma intensa luz e, em paralelo, também agride menos o meio ambiente. Isso porque, a sua utilização descarta o uso de mercúrio e a emissão de CO2 é absurdamente menor do que a dos outros formatos.

Dica extra: quente vs. frio

Durante a sua pesquisa, você encontrará lâmpadas em diferentes tonalidades. Umas, amarelas, também conhecidas como quentes; enquanto outras, brancas, chamadas frias.

  • Lâmpadas amarelas: ajudam a criar uma iluminação delicada, capaz de transmitir aconchego e até um clima romântico. Ideais para cômodos com foco no descanso, como a sala de estar e o quarto;

  • Lâmpadas brancas: ótimas para estimular a atenção, manter o foco e facilitar a visualização de objetos. Com isso, a solução é perfeita para escritórios, cozinhas e até áreas de serviço.

guiadeiluminacao3 - Guia de Iluminação: o que você precisa saber para criar um décor incrível

Iluminação com cores frias

Ilumine corretamente cada ambiente

A sala de estar é o lugar onde costumamos relaxar e nos divertir. A cozinha, por sua vez, é aquele cantinho ideal para preparar as refeições. Ou seja, toda casa possui lugares em que realizamos tarefas diferentes e, consequentemente, cada um exigirá uma luz específica que consiga otimizar as atividades dos moradores. Veja quais são elas para fazer bonito.

Dormitório

É o espaço próprio para o descanso. Por essas e outras, o local deve contar com uma iluminação agradável e superleve. A dica é apostar em uma luz central, como também, em algumas luminárias extras para intensificar o clima acolhedor.

Se quiser ter mais praticidade, considere controlar a intensidade da luz utilizando um dimmer — um recurso muito parecido com o botão de regular o volume dos aparelhos de som.

guiadeiluminacao5 - Guia de Iluminação: o que você precisa saber para criar um décor incrível

iluminação de quarto

Sala de estar

Espaço típico para o conforto e a recepção de convidados. É lá onde transmitimos parte de nossa personalidade e desfrutamos momentos de lazer. A solução é abraçar as diferentes possibilidades de iluminação indireta, sendo elas os abajures, as arandelas, as luminárias de chão e os charmosíssimos lustres.

Cozinha

O ideal é apostar em uma iluminação intensa, mas também uniforme. Entre as tonalidades existentes, recomendamos as brancas (frias), que são ótimas para ajudar a manter o foco e evitar acidentes. Lembre-se de instalar luminárias sobre a pia e as bancadas.

Banheiro

Se você é do time das pessoas que a-do-ram se maquiar, a luz do banheiro precisa ser forte e direta — com a ajuda de espelhos iluminados ou pendentes.

De todo modo, para ter praticidade também é bacana criar uma iluminação centralizada, em que as lâmpadas de LED são as protagonistas. Por fim, e para adicionar um toque extra de sofisticação, adicione luzes secundárias e com variadas intensidades.

guiadeiluminacao61 - Guia de Iluminação: o que você precisa saber para criar um décor incrível

Cores neutras no banheiro

Diz aí, curtiu o nosso Guia de Iluminação? Já se sente preparada para colocar essas dicas em prática e arrasar na produção do seu lar? 

Garantimos que o resultado será fantástico! E caso queira continuar se aprofundando nesse universo, aproveite para conferir 6 ideias de decoração para aproveitar o que já existe em sua casa!

Mondaine Brasil
Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *