O que a moda diversa representa? Entenda no Ouse Todo Dia

IMAGEM MODA PARA TODXS V01 1080x635 - O que a moda diversa representa? Entenda no Ouse Todo Dia

Já percebeu como a diversidade tem se tornado uma pauta muito importante? Isso em todos as esferas sociais, inclusive no universo fashion.

A preocupação com o assunto possibilita a reflexão sobre novas formas de produzir e vivenciar a moda. Por essa razão, as marcas tem se adaptando cada vez mais a esse estilo de produção que se preocupa em respeitar as singularidades de cada indivíduo.

Mais do que a inclusão pela inclusão, a sociedade está passando por mudanças na forma de pensar e, assim, exercitar a empatia pelos diversos tipos de pessoas, corpos e ideologias.

E olha que legal: no Festival de Moda de Belo Horizonte, as Youtubers do Ouse Todo Dia, Anna e Sofia, tiveram a chance de conversar com a Júlia Moura, analista de negócios e mentora de inovação, e discutir a ideia de moda diversa.

Assista ao vídeo para entender mais sobre o assunto!

Entendendo o contexto da diversidade

A diversidade permite um entendimento mais amplo sobre diversos processos. E em um país como um Brasil, com enorme pluralidade de pessoas, costumes, tradições, crenças e ideologias, pensar a diversidade se torna mais relevante ainda, não é?

Para que esse ideal seja alcançado, o fundamental é que trabalhemos nossa empatia. Dessa forma, é possível trazer a visão, os questionamentos, desejos e necessidades das pessoas para os processos de produção, seja da moda, ou de outros setores.

Afinal, esse esforço de se colocar no lugar do outro e entender suas dores é essencial para a estruturação e desenvolvimento de diversos projetos com foco na diversidade.

O fato de a diversidade não ter sido, de certa forma, muito explorada durante os anos fez com que muitas pessoas nunca se identificassem com o que consumiam. E ter isso mente ao pensar os produtos tem mudado a realidade dessas pessoas, que agora se vêm mais representadas. Muito legal, não é?

Inclusão x Diversidade

Até então, enquanto a indústria ainda se adaptava às demandas da diversidade, a preocupação com esse assunto podia soar mais como algo muito parecido com inclusão.

A inclusão tem a ver com a inserção de pessoas diversas em espaços, muitas vezes, midiáticos, como desfiles, capas de revista e etc. Já a diversidade é algo muito mais amplo a abraça toda uma mudança de mindset.

Então, mesmo vendo modelos negras, transexuais e plus size protagonizando campanhas de moda, os produtos não necessariamente satisfaziam as reais necessidades das pessoas. Ou seja, suas particularidades, em algumas situações, não eram levadas em conta.

E é por isso que para uma aplicação prática de uma moda diversas, as marcas devem

pensar todos os seus processos a partir da diversidade.

Moda diversa

Mas afinal, o que essa moda diversa representa? Hoje, já é possível enxergar um movimento mais forte na direção de produzir uma moda para todas e todos. Como Júlia Moura disse, pensar na diversidade “é justamente abraçar as pessoas com as suas diferenças”.

E esse movimento se torna muito mais fácil com o esforço de se afastar dos estereótipos criados e reforçados por muitos anos.

É possível enxergar três situações diferentes nesse cenário. Existem as marcas que não conseguem se adaptar ao contexto atual e acabam perdendo o prestígio. Também existem as marcas que estão no processo para se adequar a essas demandas. E existe a moda que tem sido produzida de pessoas para pessoas.

E só será possível dizer que a moda diversa é uma realidade quando deixarmos de nos forçar a pensar na diversidade como elemento essencial, e sim tivermos ela como elemento intuitivo durante diversos processos do nosso dia a dia.

Gostou de entender mais sobre os caminhos da diversidade na moda? Para acompanhar mais conteúdos do Ouse Todo Dia, se inscreva no canal da Mondaine, no YouTube, ou siga o Instagram @mondainebrasil.

Mondaine Brasil
Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *